Curso de Francês melhor preço

Curso de Francês melhor preço Curso de Francês melhor preço

Alcance a fluência em francês com a Linguae, que tem o Curso de Francês melhor preço em São Paulo! Aulas abordam contextos gramaticais, vocabulário, pronúncia e conversação. Curso de Francês melhor preço acessível e horário flexível, atendendo a disponibilidade do aluno. Foco no ensino in company. Aulas com professores qualificados e com vivência no exteriorajudam você a alcançar a fluência em francês, com total entendimento da cultura francesa.

O Curso de Francês melhor preço ajuda os alunos a aumentarem o seu nível de aprendizado de acordo com os seus interesses e potencial. As aulas de francêspodem acontecer na sua casa, escritório ou outro local, além das unidades da Linguae.

O aprendizado do francês é de extrema relevância, principalmente pelo fato de ser uma das línguas mais estudadas no mundo. Falado em 56 países, sendo que 30 destes têm o idioma como sua língua oficial, o francês é falado por ao menos 130 milhões de falantes nativos no mundo. Ainda, somando aqueles que falam o idioma como segunda língua ou como língua estrangeira, esse número salta de 130 para 500 milhões.

Metodologia do Curso de Francês melhor preço

Para atender às necessidades de uma comunicação eficaz no mundo dos negócios, o Curso de Francês melhor preço conta com uma abordagem dinâmica com situações formais do ambiente corporativo. O Curso de Francês tem o melhor preço proporciona um aprendizado dinâmico do idioma para todas as idades.

Curso de Francês menor preço níveis: A1, A2, B1 e B2 (básico, intermediário e avançado). O método usado no Curso de Francês em SP é Alter Ego, desenvolvido pela Hachette. Livro de apoio: GrammaireProgressiveduFrançais. Tal metodologia promove a aprendizagem por meio de abordagem ativa, avaliação compartilhada e desenvolvimento da autonomia do aluno. O Curso de Francês melhor preço conta ainda com o uso de recursos audiovisuais para enriquecer o aprendizado, assegurando uma metodologia de excelência.

Curiosidades sobre as distinções do idioma francês

Entre os anos de 1600 e 1800, a França era dominante na Europa, e a língua francesa era o idioma predominante. Hoje, no Canadá há ao menos 7 milhões de falantes nativos - a maioria residente em Quebec, que é a maior província desse país.Aproximadamente 80% da população do Quebec usam o francês como língua oficial, sendo em grande parte imigrantes e descendentes de franceses, ingleses, irlandeses, escoceses, judeus, alemães e italianos.

Mas apesar de o Canadá ter o francês como um de seus idiomas oficiais (é uma nação bilíngue dividida em francófonos e anglófonos), as formas de expressões diferem-se do francês da França. As mudanças estão nos sotaques, no vocabulário e nas expressões - assim como existem diferenças entre o português do Brasil e o ‘português europeu’.

Esta diversidade do idioma francês se deve ao fato da colonização das terras canadenses no século XVI por franceses, que introduziram o francês tradicional na região. Porém, na década de 1760, britânicos tomaram grande poder e passaram a governar o Novo Mundo. A disputa de governança acabou deixando as colônias francesas isoladas, e isso provocou a distinção do idioma. Ou seja, oidioma ‘francês europeu’ se desenvolveu com influências europeias e o ‘francês canadense’ com influências da língua inglesa.